Como a ProMove Ajudou a Synapsis a Alcançar o Nível 5 do CMMI

A Synapsis tinha como meta alcançar o nível 5 do CMMI em um curto período. Após iterações de melhorias de processos com apoio da ProMove, a empresa conseguiu alcançar o objetivo em 12 meses. Veja neste case como a Synapsis conseguiu alcançar o Nível 5 do CMMI.

SYNAPSIS (ATUAL TIVIT)

Segmento: Fábrica de Software

Porte: Grande

Objetivo: melhorias de processos com CMMI Nível 5

SOBRE A EMPRESA

A empresa Synapsis, adquirida pela TIVIT, era uma das empresas de serviços de TI e integração de tecnologias mais relevantes da América Latina, com um portfólio abrangente de serviços de TI que inclui outsourcing de TI, serviços de computação na nuvem, consultoria em TI e SAP, fábrica de software, soluções técnicas e de negócio, soluções de redes inteligentes (smart grid) e desenvolvimento/implementação de soluções customizadas. A empresa era fornecedora líder em segmentos como utilidades, óleo e gás, e setores governamentais, além de estar expandindo agressivamente em outras indústrias verticais com presença mundial.

NECESSIDADE

A Synapsis precisava demonstrar excelência em desenvolvimento de software, por isso investiu fortemente em melhoria dos seus processos, tendo sido avaliada com sucesso nos níveis 2 e 3 do CMMI em Agosto de 2006 e Julho de 2009, respectivamente.

Em Dezembro de 2011, a alta direção da Synapsis estabeleceu como objetivo de processos para ser alcançado em Dezembro de 2012, a avaliação do nível 5 do CMMI. Essa meta foi considerada ambiciosa, já que o tempo médio das empresas para passar do nível 3 para o nível 5 do CMMI é de 2 anos (dobro do prazo estabelecido pela alta direção da Synapsis). Apesar da meta ambiciosa, a Synapsis conseguiu com sucesso realizar uma avaliação oficial do tipo SCAMPI A do nível 5 do CMMI em Dezembro de 2012, após 12 meses de implementação.

SOLUÇÃO

A ProMove realizou uma análise dos dados das linhas base de processo da empresa, em conformidade com as práticas do nível 3 do CMMI adotada em projetos da empresa no período de Maio a Dezembro de 2011.

A análise realizada demonstrou que os objetivos de qualidade e de desempenho não estavam sendo alcançados e que seria necessário realizar diversas melhorias nos processos para alcançar a meta. Uma das principais melhorias realizadas foi a otimização do processo por meio de redução de atividades do processo padrão.

Essa redução foi feita por meio da automação de etapas do processo, bem como eliminação de atividades redundantes, entre outras mudanças. Como resultado, observou-se que o processo final continha um conjunto mínimo de atividades fáceis de entender, planejar, monitorar e medir.

Após a implementação das melhorias, o processo passou de 135 atividades para apenas 31 (redução de 77% do total de atividades, sem perder a aderência ao CMMI). Essa adoção foi essencial para iniciar as práticas do Nível 5 do CMMI.

Logo depois, foram produzidas linhas base com o propósito de pilotar melhorias incrementais nos processos e templates, além de melhorias inovadoras como adaptação do processo padrão de desenvolvimento de software para projetos evolutivos de pequeno tamanho (menos de 200 homens-hora), e adoção de práticas de inspeção de código e revisão por par da especificação técnica.

Estas estratégias ajudaram consideravelmente no alcance dos objetivos de qualidade e de desempenho da organização (assertividade da produtividade estimada e redução de defeitos encontrados pelo cliente). Além disso, o fato de termos enxergado defeitos antecipadamente ajudou a melhorar a qualidade do produto, garantindo o sucesso do cliente e sua satisfação.

Após diversas reuniões com o grupo de processos, foi estabelecido como objetivo de desempenho que a produtividade realizada dos projetos fosse maior ou igual que 90% da produtividade esperada, enquanto o objetivo de qualidade era que a aprovação dos testes de aceitação pelo cliente fosse igual ou superior a 95%.

Para alcançar estes objetivos de qualidade estabelecidos pela Synapsis, foi realizada uma análise dos dados das linhas base de processo da empresa, em conformidade com as práticas do nível 3 do CMMI e adotada em projetos da empresa de Maio a Dezembro de 2011.

A análise demonstrou que os objetivos de qualidade e de desempenho não estavam sendo alcançados e que seria necessário realizar diversas melhorias no processo para alcançar a meta. Definido o foco, a ProMove colocou a mão na massa. Algumas das principais mudanças, foram:

  • Otimização do processo por meio de redução de atividades do processo padrão;
  • Eliminação de atividades redundantes.

O resultado disso foi o fato de o processo final conter um conjunto mínimo de atividades fáceis de entender, planejar, medir e monitorar. Após a implementação de melhorias, o processo passou de 135 atividades para apenas 31 (redução de 77% do total de atividades, sem perder a aderência ao CMMI. Dessa forma, agora sim a Synapsis estava apta a adotar as 288 práticas do CMMI Nível 5.

A JORNADA PARA O NÍVEL 5

PASSO 1

  1. Linhas de base produzidas com o propósito de pilotar melhorias incrementais nos processos e templates;
  2. Adaptação do processo padrão de desenvolvimento de software para projetos evolutivos de pequeno tamanho;
  3. Adoção de práticas de inspeção de código e revisão por par da especificação técnica.

Tais práticas ajudaram consideravelmente no alcance dos objetivos de qualidade e de desempenho da organização, ou seja, assertividade da produtividade estimada e redução de defeitos encontrados pelo cliente nos testes de aceitação.

PASSO 2

  1. Estabilização dos processos por meio da análise de desempenho dos subprocessos selecionados;
  2. Subprocessos selecionados para controle estatístico por fazerem parte do caminho crítico do projeto, que são: Especificar requisitos do produto, elaborar especificação técnica e estimativa de esforço, codificar e integrar unidades, realizar testes do produto e realizar testes de aceitação do produto;
  3. Melhorias já implementadas nos processos e templates foram adotadas em novos projetos.

Com isso, o objetivo de desempenho foi alcançado, porém não foi possível alcançar o objetivo de qualidade. Muitos defeitos continuavam sendo encontrados pelo cliente nos testes de aceitação. Então, decidimos implementar um último passo.

PASSO 3

  1. Pilotar melhorias inovadoras como a adoção de programação por par e análise de cobertura em testes nos projetos da organização;
  2. Melhorias implementadas nos projetos em andamento;
  3. Implantação de ferramentas para controle estatístico.

Com isso, foi possível alcançar o sucesso desta etapa e obter a melhora na qualidade e desempenho dos processos.

RESULTADOS

A evolução dos processos da Synapsis para a alta maturidade foi considerada de sucesso por alguns motivos:

  • A empresa teve facilidade em aceitar as mudanças da equipe dos projetos;
  • Houve apoio e comprometimento da alta direção;
  • O uso de ferramentas adequadas foi crucial para o controle estatístico de processo.
  • O conhecimento especializado da ProMove em controle estatístico de processo permitiu diagnosticar a empresa nesse sentido e, assim, implementar melhorias incrementais e inovadoras.

As figuras abaixo apresentam os resultados obtidos com a implementação do Nível 5 do CMMI na Synapsis.

Figura 1. Resultados de redução de defeitos, aumento de produtividade e redução de atrasos nos projetos.

 

Figura 2. Resultados de otimização de processos em termos de quantidade de atividades.